Sintomas da primeira dentição

Apesar de os sintomas e a sua intensidade ser diferente em cada criança, apenas uma coisa é certa, para a maioria dos pais e os seus bebés, o processo de dentição pode ser bastante stressante. Assim que o dente começa a mover-se para a superfície e sai pelas gengivas, a pressão que cria reproduz-se em dor e outros sintomas desagradáveis, como por exemplo a necessidade de morder, ou a redução do apetite e irritabilidade.

A primeira dentição geralmente começa aos 6 meses de idade, mas pode começar mais cedo aos 3 meses de idade, ou mais tarde perto dos 12 meses de idade. Os sintomas da primeira dentição ocorrem 4 dias antes de o dente nascer e podem durar mais 3 dias. Durante este período a maioria das crianças sofrem de pelo menos um sintoma, mas geralmente sofrem de vários sintomas desconfortáveis.

Sintomas típicos da primeira dentição

  • Gengivas inchadas e macias, onde o seu bebé tem tendência a esfregar com os dedos. Devido à pressão do dente a nascer, as gengivas tornam-se inchadas e sensíveis. Realizar uma massagem utilizando o seu dedo ou um tecido suave húmido pode aliviar parte do desconforto. Os brinquedos para a dentição de gel frios podem também ajudar.
  • Se olhar para a boca do seu bebé, irá reparar numa parte das gengivas vermelha, com um dente mais ou menos visível dentro delas. Algumas vezes podem estar ligeiramente com sangue ou com um pequeno hematoma – bolha de sangue acumulada dentro da gengiva. Em caso de dúvida, consulte o seu médico.
  • Babar excessivamente – limpe o rosto do seu bebé passando suavemente com um pano e aplique creme protetor na área do queixo para prevenir irritações.
  • Morder ou sugar em tudo o que conseguem agarrar. Isto pode significar brinquedos, dedos, objetos domésticos, o seu cabelo, etc. Ofereça-lhe um substituto adaptado, como por exemplo um mordedor ou um tecido húmido frio.
  • O seu bebé poderá ficar vermelho na cara, e por vezes com as bochechas quentes. No entanto, se o seu bebé tiver febre superior a 38,9⁰C, consulte o seu médico, pois não é um sinal típico de dentição.
  • Esfregar a orelha e bochecha do lado onde o dente irá nascer.
  • Redução do apetite, em especial por alimentos sólidos. Para alguns bebés, mastigar durante o processo da primeira dentição é muito desconfortável, por isso são reativos a comer. Tente oferecer-lhe alimentos mais moles e gelado, como por exemplo iogurte, compota de maçã, fruta esmagada, batidos, etc.
  • Sono agitado durante a noite. Os sintomas tendem a piorar durante a noite. A explicação mais provável é que o seu bebé fica ainda mais nervoso quando está cansado, por isso os sintomas que ele possa estar a sentir são exagerados devido ao cansaço.
  • Reflexo de tosse ou vómito – o seu bebé pode engolir baba excessivamente que surgiu devido ao processo de dentição, que pode causar tosse ou vómito. O primeiro passo é descartar quaisquer outras causas, como por exemplo constipações ou alergias. No entanto, o seu bebé não deve ter problemas em respirar. Engolir a baba pode também provocar diarreia ligeira, mas se a diarreia se tornar intensa, consulte o seu médico imediatamente.
  • O seu bebé pode ficar um pouco mais nervoso e irritado durante o processo de dentição. Ele pode chorar mais do que o habitual ou ter problemas em relaxar. Algumas das sugestões que descrevemos podem ajudar a aliviar alguns desconfortos, mas não existe melhor cura para a irritabilidade do que mimos.
  • Durante a fase de dentição, o seu bebé irá provavelmente tentar colocar qualquer coisa que pegue dentro da boca. Estes objetos podem estar cobertos de micróbios, e assim o seu bebé fica exposto a potenciais problemas de estomago e diarreia. Apesar de diarreia e assaduras da fralda não serem consideradas sintomas da dentição, sabe-se que surgem mais frequentemente durante este período, pois o bebé coloca na sua boca tudo o que segurar. Tente manter os objetos próximos do seu bebé limpos e desinfetados, e se a diarreia persistir, não hesite em consultar o seu médico.