Problemas da primeira dentição

Quando os dentes começam a crescer e saem através das gengivas, podem causar muitos problemas, tanto para as crianças, como para os pais. A primeira dentição ocorre geralmente aos 6 meses de idade, mas não é incomum começar a qualquer momento entre os 3 e 12 meses de idade. Até aos 3 anos, o seu bebé irá ter os 20 dentes primários, que irão ser posteriormente substituídos pelos dentes permanentes entre os 6 e 21 anos.

O processo de dentição é bastante individual e os desconfortos e a sua intensidade variam significativamente em cada criança. Alguns bebés e crianças apresentam apenas dois sinais, enquanto que outros têm mais sintomas preocupantes. No entanto, a maioria das crianças experiencia um dos seguintes problemas quando está no processo de dentição e nós oferecemos-lhe soluções.

Babar

A primeira dentição geralmente faz com que aumente a quantidade de baba, o que pode resultar em irritação do queixo e das bochechas. Limpe a baba da cara do seu bebé com um pano suave e limpo e aplique um creme protector (se está a amamentar, o creme que coloca no seu mamilo também serve).

Mastigar constantemente em tudo o que agarra com a mão

As crianças fazem isto para aliviar a pressão causada pelo dente que está a empurrar por baixo das gengivas. Irá reparar que a sua criança irá roer o cobertor, roupa, brinquedos, objectos domésticos, as suas mãos e as dele e tudo aquilo que tiver ao seu alcance.

Pode dar ao seu filho alguns brinquedos para roer frios e limpos, um objecto seguro e próprio irá permitir que ele roa e proporciona sensação de frescura. Poderá também massajar as gengivas do seu bebé com o seu próprio dedo ou com um pano molhado gelado. Mas lembre-se que existem alguns truques que já pode ter ouvido que não sejam uma boa ideia para aplicar. Uma cenoura fria pode representar um perigo de asfixia para o seu bebé, e biscoitos com açúcar colocam os seus dentes em perigo de desenvolver cáries assim que nasçam.

Outra forma de aliviar as gengivas doridas é utilizando géis para a primeira dentição, que proporcionam um alívio calmante. Se mantiver estes géis no frigorífico, irá também proporcionar um efeito refrescante. Outro truque que pode aplicar, é colocar o gel nos brinquedos de roer que entrem em contacto direto com as gengivas.

Puxar as orelhas e esfregar as bochechas

São sinais de dor que o seu bebé pode estar a ter nas gengivas. Mais uma vez, os brinquedos para roer, roupa de bebé e géis para a primeira dentição podem ajudar a aliviar alguma pressão e reduzir a quantidade de dor que o seu bebé tem. Se não ajudar, dê paracetamol, que geralmente oferece o alívio desejado, especialmente durante as horas noturnas quando os sintomas causam ainda mais desconforto.

Puxar as orelhas pode ser um sinal de infeção no ouvido, por isso assegure-se que verifica e exclui isso em primeiro lugar.

Bochechas vermelhas

Poderá reparar que a cara da sua criança parece vermelha. Uma bochecha vermelha é geralmente sinal da dentição, aparece no lado em que o dente irá nascer. Contudo, se ambas as bochechas estão vermelhas, pode ser sinal de febre, o que poderá não estar relacionado com a dentição, e pode ser sintoma de uma infeção. Verifique a temperatura do seu bebé, se estiver maior a 38,9⁰C, deve consultar o seu médico.

Perda de apetite

O seu bebé pode sentir que é bastante desconfortável roer sólidos. Alimentos macios frescos podem oferecer algum alívio. Pode também oferecer ao seu bebé coisas como compota de maça, batidos, fruta esmagada, bananas congeladas ou iogurte de fruta.

Comportamento agitado

Apesar de alguns bebés passarem pela primeira dentição sem grandes problemas, para outros pode ser bastante stressante devido ao desconforto que sentem na boca. Isto pode manifestar-se através de um comportamento agitado, chorar mais vezes sem razão aparente, ter problemas em dormir e andar inquieto. Para além dos remédios normais que podem ajudar com a dor da dentição, o amor do pai e da mãe são dos fatores mais importantes para acalmar um bebé inquieto. Durante este período, ofereça mais mimos e beijos do que o costume, e o seu bebé pode assim encontrar mais conforto nos seus braços.

Gengivas sangrentas

Apesar de parece assustador, não existe razão para alarme. Algumas vezes, quando o dente está a nascer, pode causar pequenas bolhas preenchidas com sangue, ou um hematoma (uma área fixa com uma pequena quantidade de sangue preso por baixo das gengivas). Não se surpreenda no caso da bolha rebentar e verificar que sai uma pequena quantidade de sangue na boca do seu bebé. Pode também perguntar ao seu médico para a drenar, caso esteja preocupada, mas geralmente o sangue desaparece quando o dente surge à superfície.