Dieta de amamentação

Provavelmente já ouviu falar que durante a gravidez deve “comer por dois”, apesar de parte deste conselho ser verdade, não deve aceitá-lo literalmente. Estudos têm demonstrado que comer demasiado pode fazer com que os diabetes gestacionais se transformem em diabetes de tipo 2, por isso é importante que a sua dieta ofereça ao seu corpo o que ele necessita durante a gravidez, e não mais do que isso.

As regras são similares durante o período de amamentação. Deve oferecer ao seu corpo uma dieta saudável, equilibrada que inclua uma grande variedade de ingredientes nutritivos, nas quantidades suficientes para as necessidades do seu corpo. Enquanto amamenta, pode ingerir até 500 calorias por dia a mais do que o seu normal, por isso vai depender da quantidade de peso que ganhou durante a gravidez, do seu metabolismo e outros factores, que vão determinar a quantidade de comida que necessita - a forma mais segura de atingir a sua dieta saudável é tomar atenção ao seu corpo. Coma quando tiver fome, e faça refeições em pequenas quantidades e saudáveis. Contudo, se tiver perda de apetite, será boa ideia consultar o seu médico, por vezes, pode ser sinal de depressão pós-parto.

O que significa realmente “dieta equilibrada”?

A chave está na variedade. Se comer diferentes tipos de alimentos, o sabor do seu leite irá alterar, permitindo ao seu bebé adaptar-se e aceitar diferentes sabores antes de comer sólidos. Uma nutrição saudável é baseada em alimentos reais, em vez de produtos industrialmente processados, que possuem poucos nutrientes e contêm muitos ingredientes que o seu corpo não necessita, como por exemplo corantes artificiais e intensificadores de sabor. Quando falamos em diferentes tipos de alimento que deve ter no seu prato, o objetivo é comer diariamente ingredientes de todos os grupos descritos em baixo:

  • Alimentos ricos em proteína, como por exemplo carne magra, ovos, peixe (baixo em mercúrio), lacticínios, feijões e lentilhas
  • Pão integral e arroz, como fontes de amido
  • Muitas frutas e vegetais, especialmente vegetais de folhas verdes
  • Alimentos ricos em cálcio, como produtos diários
  • Gorduras boas que podem ser encontradas nas nozes, abacate, peixe e azeite extra virgem
  • Muita água

Alimentos que deve evitar durante a amamentação

Apesar de a recomendação geral ser consumir de tudo um pouco moderadamente, há certos alimentos que deve limitar ou evitar completamente se possível.

Beber leite de vaca pode por vezes afetar o seu bebé causando sintomas como inchaços, erupções cutâneas, cara inchada, diarreia, vómitos entre outros, devido à proteína presente no leite da vaca, a qual o seu bebé pode ser alérgico. Se está preocupada com o facto de poder ser esta alergia que está a acontecer, fale com o seu médico e combine não beber durante umas semanas leite de vaca e veja se o seu bebé mantém os sintomas.

Evite beber muita cafeína enquanto amamenta. A recomendação geral é não ingerir mais do que 200mg de cafeína por dia para mães que amamentam. Lembre-se que a cafeína não está só presente no café, mas também no chá preto, bebidas energéticas e alguns refrigerantes. Aumentar o consumo de cafeína pode fazer com que o seu bebé fique inquieto e nervoso, e tenha muitas vezes problemas em dormir.

O álcool é passado através do leite para o bebé, por isso é melhor evitar o consumo de álcool enquanto amamenta. Se quiser beber um copo de vinho, é melhor fazê-lo apenas após de dar de mamar ou retirar o seu leite com a bomba, e deixe passar 2 horas até à próxima mamada após consumir álcool. Assim, o corpo tem o tempo necessário para filtrar e expelir o álcool antes da próxima mamada.

Por vezes poderá reparar que o seu bebé tem mais cólicas após você consumir ervas ou vegetais como cebolas, alho-francês ou feijão. Pode ser coincidência mas se reparar que isso acontece sempre, é recomendável que retire esses alimentos temporariamente da sua dieta.

Se está habituada a uma dieta saudável com certas ervas, não necessita de alterar os seus hábitos caso o seu bebé não tenha sinais de desconforto. Provavelmente ele já está habituado a certas ervas pelo útero.